Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

TUDO AVULSO

Acontece-me... Por inspiração... transpiração... ou porque me apetece...

TUDO AVULSO

Acontece-me... Por inspiração... transpiração... ou porque me apetece...

26
Dez12

Leituras...

Mariali

O livro A Profecia Celestina, foi um presente de Natal do ano passado. Li-o este ano de 2012. Escolho o livro como o meu preferido deste ano 2012. O título levava-me a sugerir opiniões que, mais tarde, verifiquei serem  incorrectas, injustas... 

Na contracapa deste livro tem a seguinte citação:

"Quando alguém se cruza no nosso caminho, traz sempre uma mensagem para nós. Encontros fortuitos são coisa que não existe. Mas o modo como respondemos a esses encontros determina se estamos à altura de recebermos a mensagem."

Baseado num manuscrito do séc. V ou VI, A. C., o protagonista principal do livro inicia uma longa viagem em busca de uma série de 9 revelações espirituais, que serão encontradas, a muito custo, nas ruínas e montanhas do Peru...

Não podia deixar de partilhar o nome do livro que mais me cativou... Toda a leitura é um viver de emoção, um despertar de curiosidade, suspense, sabedoria espiritual,...

E, deste modo, participo no desafio do Sapo Blogs {#emotions_dlg.smile}

*Perdi os óculos, se encontrarem algum erro... {#emotions_dlg.smile}

 

 

30
Jan10

Uma ilustração e um comentário...

Mariali

Uma das ilustrações de Paula Rego e simplesmente um dos comentários (duro, cruel, despido de fantasia) da escritora Romana Petri. Afinal, esta obra conta três histórias...

"Se o boneco se comportar bem tornar-se-á um rapaz verdadeiro.

Esta é a promessa da Fada Azul. No quadro, Pinóquio é já um rapaz de carne e osso,

deve ter-se comportado realmente bem para o ter merecido. Mas não parece feliz.

Nu, as mãos atrás das costas, está hirto defronte a uma fada que entretanto

já não é aquela sedutora menina que lhe apareceu quando ainda ele era de madeira.

A fada é velha, com o dedo grande do pé valgo e deformado que certamente a faz caminhar

com dificuldade.Talvez não seja já a fada daqueles tempos passados, talvez seja uma bruxa

que matou a verdadeira fada para depois se divertir com as suas promessas.

O rosto próximo do de Pinóquio parece dizer-lhe: «Como queres que valham as promessas feitas a um boneco?» A bruxa está ali para negar todas as promessas feitas pela antiga  fada.

Não serve de nada comportar-se bem se o Bem não domina o mundo. Que o aprenda rapidamente o rapaz.

As promessas feitas pela fada não poderão ser cumpridas.

Adquirir um corpo verdadeiro não lhe servirá certamente para ser feliz: no que acreditava Pinóquio?

O corpo foi-lhe dado apenas para que conhecesse a grande dor. Terá saudades do tempo em que apenas era uma marioneta, é para isso que lhe servirá o tempo da sua vida". 

28
Jan10

História de um boneco

Mariali

O Carnaval aproxima-se. E o Duarte já tem o seu fato a fazer. Vai de Pinóquio. Esta semana acompanharei a sua mãe à costureira, pela 2ª. vez, para ser acrescentado mais um pormenor, que fará toda a diferença...

Resolvi reler o livro, porque estava esquecida de algumas passagens.

Foi publicado em 2004, ofereci-o a uma amiga pelo Natal, mas provocou-me tanta curiosidade que as minhas filhas também me ofereceram um nesse mesmo Natal...

Está dividido em XXXVI pequenos capítulos, tem o posfácio de Italo Calvino, as ilustrações (cruéis) de Paula Rego acompanhadas por um texto a explicá-las (só desse modo compreendi a sua pintura). 

É um livro com mais de 200 páginas, mas com letras gordinhas e bons espaços.

Adorei! Esta é a história a "sério" do boneco, história nua e crua.

Faço votos para que o meu sobrinho-neto não encarne a "sério" esta personagem. 

28
Mai09

Uma história para acordar...

Mariali

 

Conforme os posts da Mfssantos e da Odete me inspiraram ... também  o post da Fernanda sobre Auschwitz, levou-me a querer publicitar um dos últimos livros que li.

Eu tinha prometido a mim mesma não ver (mais) documentário, filme ou ler qualquer que fosse sobre este tema.  Mas eis que... o ano passado, numa das viagens pela internet, o título do livro "o rapaz do pijama às riscas" e a ilustração da capa aguçaram a minha curiosidade...

 Como foi adaptado ao cinema e o filme esteve cá, este ano, passou a haver o livro  em exposição pelas livrarias... e comprei-o.

É um livro diferente, "parecendo" uma história infantil...  Mas que tira o sono... tira.

                  

 Só lendo... 

 

26
Mai09

Criar laços

Mariali

 

                                                               

"- Andas à procura de galinhas?

- Não - disse o principezinho.- Ando à procura de amigos. «Cativar» quer dizer o quê?

- É uma coisa de que toda a gente se esqueceu - disse a raposa.- Quer dizer «criar laços»...

- Criar laços?

- Sim, laços - disse a raposa

   ...   ...

Os homens deixaram de ter tempo para conhecer o que quer que seja. Compram as coisas já feitas aos vendedores. Mas como não há vendedores de amigos,( ...) - disse a raposa."

 ...  ...

Excerto da obra O Principezinho, 1943

 

Esta história parece ter sido escrita nos dias de hoje.

Com amizade,

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D