Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

TUDO AVULSO

Acontece-me... Por inspiração... transpiração... ou porque me apetece...

TUDO AVULSO

Acontece-me... Por inspiração... transpiração... ou porque me apetece...

29
Mar21

Olhar, ver, sentir...

a primavera

MariaLi

Cada dia  há  algo que nos desperta, encanta  e espanta. Depois do sono de inverno, toca a despir e a vestir de novo. Renascer.

Assistir a pores ou nasceres do sol tão espetaculares, poder constatar que cada um é tão especial, simplesmente, é uma dádiva.

E apetece olhar as flores de plantas espontâneas, ou não, tão belas, sozinhas, na beira do caminho ou da estrada, nos parques...

Vamos lá, então, depressa, olhar, ver, sentir e receber.

Feliz tempo de Páscoa.

 

IMG_20210319_120604_215.jpg

FB_IMG_1616106224952.jpg

FB_IMG_1616106280106.jpg

FB_IMG_1616433735178.jpg

FB_IMG_1617036928189.jpg

 

30
Abr18

Uns dias por Amesterdão

MariaLi

Há quem faça meditação para relaxar, desanuviar seus pensamentos, aclarar sua mente, pacificar-se...

Para já, ainda não consegui. Pois... Talvez, exija mais trabalho. Prefiro viajar, para mim, é mais fácil.

Fui com amigas. Éramos três mais um bebé de nove meses. Estão a imaginar...

Mas foi maravilhoso!

Amesterdão pareceu-me desarrumado, cinzento... Mas não, as bicicletas amontoadas junto aos passeios provocam confusão, mas foi só a primeira impressão. Depressa nos habituámos a elas.

Os edifícios perfilam imponentes, harmoniosos, de grandes janelas e portas, em tons acastanhado, tijolo, creme...

Os canais, os barcos, as pontes, os museus, o comércio...

Na sexta-feira, era feriado, festejavam o dia do Rei. Era "obrigatório" vestir qualquer peça de roupa ou adorno de cor laranja... De verdade, ficámos um pouco preocupadas, devido ao elemento mais novo. Mas tudo bem. Gente simpática, educada e bonita.

Seria por andarmos muito bem acompanhadas? :)

 

Além de visitarmos alguns museus, não podíamos deixar de observar, ao vivo, the tulips garden- Keukenhof, e, claro, também passeámos por Red Light District, à noite.

Adorei! Adorei!

 

31485214_1665917480160563_589604108143427584_n.jpg

31530367_1665920620160249_5685532192952811520_n.jp31493705_1665920176826960_3364304765503668224_n.jp

31487268_1665917423493902_9186926456209408000_n.jp

31495339_1665920940160217_43910341179998208_n.jpg

31484770_1665917010160610_4155475068987637760_n.jp

31504004_1665906200161691_4880699585615364096_n.jp

31514078_1665905863495058_8152759964113305600_n.jp

31531445_1665906280161683_3351625614023983104_n.jp

31292697_1271047966361888_7091789594735149056_n.jp

31483968_1665543156864662_3260984173237633024_n.jp

31531155_1664255820326729_737816347127316480_n.jpg

31515618_1665904126828565_8001103333156716544_n.jp 

 

 

 

17
Mai17

Era uma vez...

MariaLi

No regresso a casa, colhia flores espontâneas e, ainda, de cabelos a escorrer água, distribuía-as pelas diferentes jarras.

Não sei por que colhes dessas flores! Elas não duram nada! E o jardim com tanta flor!... Enfim!- Dizia sua mãe.

Era no tempo da adolescência, a tal menina- Maria rapaz, que percorria os caminhos de terra batida, entranhava-se por entre a natureza de árvores e ervas espontâneas e seguia até ao rio.

Lá, mergulhava e sentava-se no leito do rio, tentava apanhar minúsculos peixes que se esbarravam ou beijavam seu corpo. Só saía da água, quando ficava arroxeada e a tiritar de frio.

Hoje, não tem o rio. Não tem o espaço encantado de outros tempos. Nem sonhos irrealizáveis. Tem esperança em dose qb. 

Quando vai ao campo, ainda gosta de percorrer os caminhos de terra batida. E, por instinto, talvez, procura algo nunca antes encontrado: belo, diferente, simples, verdadeiro...

Acaba mergulhada e sentada na terra húmida, entre a vegetação, e vai cortando flores pequeninas. Elabora pequenos ramos, coloca-os em pose. Fotografa-os.

Não sei como ainda és assim...- Dizem M e D 

 

    Dois dias. Dois raminhos .

    Para vocês ;)

18278622_1318688904883424_4392986971970277418_o.jp

18278661_1318693004883014_1195451037523942244_o.jp18358913_1318689914883323_2921509358095414410_o.jp18359102_1318693001549681_8505883179952323565_o.jp18209388_1310098522409129_3169264437463205654_o.jp18216506_1310194825732832_7651019549961529101_o.jp

18238097_1310097735742541_7254412789088808308_o.jp 

 

22
Mar15

Esta flor

MariaLi

E todos os anos fotografo este local onde esta planta habita. Antes de florir, nada existe por ali, tudo parece adormecido. Quando floresce, o espaço fica assim...         

Mais varinhas deste arbusto estão espalhadas por lá, mas não se decidem a desabrochar. Imagino como, um dia, tudo ficará bonito...

Não sei o nome. Sei que adoro esta flor e visito-a, sempre que vou ao campo.

DSCN1218.JPG

DSCN1223.JPG

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub